Empresas do Sinapse da Inovação exibem suas soluções para investidores

Novas startups de todo o estado tiveram a oportunidade de realizar networking e apresentar suas soluções inovadoras a investidores, potenciais clientes e parceiros na Feira de Negócios do Sinapse da Inovação. A ação, que teve o objetivo de impulsionar a inserção no mercado das empresas recém-criadas na 6ª edição catarinense do programa, marca o fim da fase de pré-incubação. O evento, realizado no Sapiens Parque, contou com a presença de mais de 300 visitantes, que puderam conhecer produtos apresentados por mais de 120 empreendedores das empresas contempladas na atual edição.

A Feira de Negócios é uma iniciativa do programa Sinapse da Inovação, promovido pelo Governo do Estado por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina – FAPESC em parceria com o SEBRAE/SC e executado pela Fundação CERTI. O programa ofereceu R$ 60 mil a cada uma das novas empresas surgidas no programa (chamadas de sinápticas) para desenvolvimento de seus produtos, além de bolsas, consultorias e mentorias para o fortalecimento da economia catarinense.

Desde o seu lançamento, em 2008, o Sinapse da Inovação apoiou a criação de 489 empresas no estado, das quais 83% estão ativas no mercado com um faturamento estimado de mais de R$ 100 milhões no último ano, gerando impactos econômicos e sociais que contribuíram e contribuem para o desenvolvimento regional. O Sinapse já foi realizado também no Amazonas, em 2015, no Espírito Santo, em 2017, e está em andamento no estado do Paraná.

Empresas destaque

Durante o evento, os visitantes receberam três cédulas (chamadas Sinaptcoins) para investir nas empresas que mais gostaram. As cinco sinápticas mais votadas ganharam certificado de destaque desta edição do Sinapse da Inovação. Conheça as startups e suas soluções inovadoras que foram as preferidas do público da Feira de Negócios:

1º lugar: Viewy tecnologia, de Palhoça

A empresa focou no desenvolvimento de sistemas para comunicação e monitoramento direcionado a áreas de segurança e defesa. A inovação da empresa é voltada para detecção e bloqueio de drones com o objetivo de inibir seu uso em atividades ilícitas, podendo atuar na proteção do espaço aéreo de aeroportos, presídios, grandes eventos, infraestruturas críticas ou qualquer outro tipo de local onde a aproximação tem que ser monitorada, controlada ou mesmo impedida.

2º lugar: Mate in Box, de Florianópolis A inovação da empresa é um Clube de Assinatura de Erva-Mate que proporciona aos associados uma nova experiência com o chimarrão. A startup nasceu para que pessoas adeptas de chimarrão conheçam novos sabores das diversas regiões produtoras, aprimorem seus conhecimentos e vivam os benefícios da erva-mate.

O assinante recebe todos os meses em seu endereço, um kit composto por:

erva-mate selecionada,  blend exclusivo para combinar e complementar a erva-mate de cada mês; um informativo, com detalhes como região de origem, moagem, produtores e outras características sobre o produto que está consumindo, e um brinde relacionado à cultura do mate.

3º lugar: Lemure.club, de Luzerna Um marketplace de crédito na modalidade Peer to Peer, que une tomadores e investidores em uma relação em que todos saem ganhando. Exclusivamente on-line, conforme prevê a regulamentação do BACEN, a Lêmure tem formato de rede social, com funcionamento simples e intuitivo, utilizando a tecnologia como sua principal aliada.

Alguns diferenciais da plataforma são o sistema de Score Social, que avaliará cerca de mais de 500 variaveis do tomador de empréstimo, a fim de tornar o processo mais justo; registros e assinaturas registradas via BlockChain; e assessoria jurídica.

4º lugar: Slots Fashion, de Blumenau

A empresa desenvolveu um software voltado para a moda, que facilita o processo de desenvolvimento de coleções em um curto espaço de tempo, através do estímulo da criatividade e organização da pesquisa de moda. Para auxiliar o estilista a organizar toda sua pesquisa de imagens, o sistema também permite a categorização (coleções, estilos, segmentos), a marcação das preferências e a busca com facilidade dentro do banco de dados. Esse é um importante diferencial do Slots Fashion, que além da organização da pesquisa de moda permite a geração de rápidas e novas ideias para o estilista através de um robusto banco de dados.

5º lugar: Eletroblocks, de Itajaí

A equipe desenvolveu módulos eletrônicos que se conectam de forma fácil e segura, permitindo o ensino prático da eletrônica. A inovação consiste em conjunto de circuitos eletrônicos, com diferentes funcionalidades, acoplados em módulos que se conectam e permitem a criação de circuitos maiores com funcionalidades diferentes. Os circuitos de cada módulo possuem funções similares aos componentes eletrônicos convencionais, mas adicionam fatores de segurança e compatibilidade. A estrutura dos módulos é formada por bases que promovem facilidade de uso.

Inspiração nacional

Os resultados gerados pela aplicação da metodologia do Sinapse da Inovação em Santa Catarina, desenvolvida pela CERTI, inspiraram a criação do programa nacional Centelha. Promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e pela Finep, o Centelha será operado pela CERTI em 21 estados brasileiros. O programa conta com a parceria do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap).

Em Santa Catarina, o Centelha será executado pela FAPESC. Os projetos selecionados receberão até R$ 60 mil em subvenção econômica, capacitações online e suporte para o desenvolvimento do produto do negócio. Os interessados podem inscrever suas ideias até 31/07 no site: http://www.programacentelha.com.br/sc

Confira algumas fotos do evento:

Foto: José Somensi

Foto: José Somensi

Foto: José Somensi

Foto: José Somensi

Foto: José Somensi

Foto: José Somensi

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *