Sinapse SC I

O sucesso da edição piloto do programa na região da Grande Florianópolis fomentou a expansão do Sinapse da Inovação para todo o estado de Santa Catarina em uma operação que ocorreu entre janeiro e setembro de 2009.

Esta edição foi concebida no contexto da estratégia de descentralização da C&T&I, visando envolver todas as mesorregiões de Santa Catarina. Em cada uma delas foi formado um Comitê Regional de Operação (CRO), que recebeu como tarefa executar o processo de lançamento, a divulgação e a mobilização da sociedade para a inscrição de propostas de novos negócios inovadores e o acompanhamento do processo de desenvolvimento do programa.

Além do intensivo trabalho de estruturação, estímulo e capacitação dos Comitês Regionais das mesorregiões catarinenses, a Fundação CERTI avançou no aperfeiçoamento das ferramentas do programa, de forma a viabilizar a captação de ideias e promover a interação por mesorregião. A mobilização em torno do empreendedorismo inovador em todo o Estado foi surpreendente e estimulante, e contou com o engajamento das coordenações regionais e institucionais. O empenho e o interesse dos contemplados na promoção das startups, assim como o aproveitamento dos ambientes de inovação localizados principalmente nas capitais das mesorregiões, foram especialmente importantes para que a FAPESC decidisse pela continuidade e fortalecimento da sua iniciativa.

Nesta edição foram submetidas 1.171 ideias inovadoras, das quais 60 foram contempladas com R$ 25 mil em subvenção da FAPESC e R$ 25 mil em subvenção da Finep (Pappe).